A reportagem do Blog do Netto Maravilha conversou com o advogado criminalista Pedro Cordeiro, que revelou que movido de sentimento de pena, entrou com um pedido de habeas corpus a favor do PM Denesio Rodrigues Filho, preso por suspeita de participar da execução de um cidadão bonfinense no ano de 1997, na companhia de mais outros dois militares. Tal pena que motivou o advogado a requerer a liberdade do preso, se deu ao ver que nem sempre familiares dispõem de recurso para processo como esse, e mesmo sem o conhecimento da família, Pedro Cordeiro conseguiu liminar que permite que o réu aguarde o julgamento em liberdade.

“Eu com pena do Denesio, nem conheço ele, mas ouvindo o povo sendo solto, o Leninho sendo solto, o Edwilson conseguiu habeas corpus sendo solto e o coitado do Denesio sem ter defesa, eu com pena dele, Deus me tocou e há cinco dias atrás entrei com habeas corpus, a favor dele, sem cobrar nada, sem cobrar um tostão, e consegui a liminar agora, vai ser solto a qualquer momento, isso eu fiz porque Deus me tocou e sem autorização da família fiz e acabei de receber a liminar, vai ser solto, por entender que dinheiro não é tudo não”, disse Dr. Pedro Cordeiro.

Blog do Netto Maravilha